Por fora o tempo corrói,
O vento corta o rosto,
As rugas se intensificam com desgosto,
O corpo fica flácido ainda que combata o bom combate,
É impossível evitar tal desgaste.
Por dentro não!
Por dentro podemos manter conservado,
Só dependo de nós o que será guardado,
Só depende de nós a cor que o espírito será pintado,
O quão repleto de paz estará o coração,
Por dentro é mais fácil manter,
Ainda que pareça complicado.
Por dentro conhecemos o remédio que nos fortalece,
Não necessitamos de cremes, plásticas, remendos, máscaras,
Precisamos apenas de autoconhecimento,
Não dependemos de outros argumentos,
Não necessitamos da aprovação alheia,
Não em nossa manutenção interna.
Por fora,
Ah! Por fora são muitos julgamentos,
Na maioria das vezes não estamos a contento,
Agrada-se a sociedade, mas não há tréguas com o tempo,
Por fora estamos por fora!
Bom é quando por fora estamos por dentro,
Em paz com nós mesmos,
Aceitando o movimento do tempo,
Seguindo a correnteza da vida,
E não nossa correria,
A correnteza,
Sem correria!

Felipe Hudson