Em terra onde professor não tem valor,
Todos sonham com filho doutor,
Não importa quem os ensinou,
Apenas se no vestibular passou!

Entre apostilas e decorebas,
Não me venham com regras,
Ensine apenas os alunos a memorizar,
Isso é ensinar?
Desculpe! Esqueci que o objetivo era passar no vestibular.
Não era questionar!

Formaremos um bom profissional?
Isso realmente não importa,
Se for “meia boca” não faz mal!
Basta decorar e seguir o roteiro,
E repeti-lo até causar overdose,
Entrou no consultório doente?
“Diz que está com virose!”

Não tem problema se a educação piorou,
De certa forma a relação até melhorou,
Sem consciência ninguém questionou,
Sem educação ninguém se informou.

Estamos cada vez mais distantes do “dia em que a terra parou”,
Porque isso só ocorreria porque alguém se revoltou,
E a revolta se espalhou,
E o mundo então mudou!
Mas sem educação,
Somos apenas o carvão que queima para mover a locomotiva.
Apenas o carvão!

Felipe Hudson