Tento me afastar da escrita,
Por vezes por desilusão,
Por vezes por inquietação,
Lamúrias por corrupção e vitimização,
Tento me afastar desconfiado da inaptidão,
Por medo da desvalorização,
Afasto-me por solidão,
Mas neste momento recordo ter uma dívida,
E volto a versar por obrigação,
Volto a versar como quem retoma uma conversa,
Um bate-papo com seu único amigo,
Apenas para manter o convívio,
Apenas para manterem-se vivos.

Felipe Hudson