Apoia-se o patriarcado,

Em 2019 mantemos esse legado,

Escravizados,

De olhos vendados,

Continuamos calados,

Assassinatos, feminicídios,

Direitos assaltados,

A mídia, parte da população, as classes dominantes,

Todos aplaudem o patriarcado,

Sem saber que no futuro seu filho será o espancador,

Ou quem sabe será o espancado?

Basta que se levante contra o conservadorismo criado e recriado,

“Patriarcaico”!

Armado,

Apoiado em livros do passado,

Que até podem não estar errados,

Mas com certeza desatualizados,

Ultrapassados,

Muitos poderiam ser inutilizados,

Mas servem de sofrimento aos espancados,

São páginas pesadas sobre as costas dos condenados,

Basta ser considerado diferente,

Não condizente com o patriarcado,

Basta ser mulher, LGBT, ou periférico e será marginalizado,

Basta ser negro, pobre e excluído e será criminalizado,

Basta um único comportamento sexual que os crentes julguem inadequado,

E você será julgado! Rotulado e humilhado pelos crentes do patriarcado,

Do Patriarcaico!

Que insiste em combater o futuro,

Insiste em erguer muros,

Combatendo os que consideram impuros,

E através de gritos ou murmúrios,

Propagam a guerra e vendem a paz,

Sobre amor não compreendem,

O respeito não lhe parece perspicaz,

Os arcaicos só querem manter o patriarcado,

Só querem louvar o deus atroz,

Que só pensa em seu próprio trono,

Mas nunca entendeu o conceito de “nós”!

Não querem um país para todos,

Não querem um estado laico,

Não querem o amor por amor,

Só querem o “patriarcaico”!

.

.

.

.

.

.

.

Felipe Hudson